segunda-feira, 3 de setembro de 2018

MERCADO DE QUEIJOS.

Os  grandes campeões   da queijaria   nacional    são a mussarela 
(com  uma  opulenta   fatia de   30% do mercado), o queijo prato 
(com um naco de 20%), o requeijão (com uma porção de 7,5%) e o 
minas frescal   (com   uma lasca mais fininha, de 6%). Juntos, eles 
representam   mais   de 60%   dos   queijos    produzidos no país. 
Mas a tábua de queijos   brasileira   é   bem mais farta: são cerca 
de   70 tipos   fabricados   por   aqui.   Muitos, como o requeijão, 
são   criações tupiniquins,   enquanto  outros, como o parmesão, 
são   inspirados   em invenções   estrangeiras. #Modelosesabores


Um   dos   principais   motivos   que   constroem   os queijos e os
fatores na   diferenciação entre os  tipos de queijo;são os tempos 
de maturação. Quando   eles    ficam "envelhecendo" ou "curando" 
até   atingir    o ponto ideal.      A   mussarela    passa,   em   média, 
por   longos  11   dias de   maturação.   Já um parmesão pode ficar 
até   três   anos   matutando -     ops!      -    Digo    maturando! :-]

Não  sabemos  ao certo, qual o tipo de queijo que tem o domínio 
do paladar Brasileiro,   afinal   isso   difere   de região   pra região.
Mas   procurar   um   queijo   que se adeque ao prato que estamos 
acostumados em nossa região, é   uma   obrigação brasileira óbvia.
Todo supermercado  que se   preze,  tem uma tábua de queijos que
atenda as necessidades de cada região, e ainda arrisca ter um rol de 
outros tipos  de   queijos em pacotinhos e porções já pré embalados.
By Panda



http://mundoestranho.abril.com.br/materia/
quais-sao-os-principais-tipos-de-queijo-produzidos-no-brasil

MERCADO DE QUEIJOS.

Os  grandes campeões   da queijaria   nacional    são a mussarela  (com  uma  opulenta   fatia de   30% do mercado), o queijo prato  (c...